Compartilhe seus livros com o mundo

1 ano ago Helena Castello Branco Comentários desativados em Compartilhe seus livros com o mundo

Trazido dos Estados Unidos para o Brasil em 2001, o projeto de compartilhamento de livros sem custo, mais conhecido como bookcrossing, é mais do que um incentivo à leitura. Ele também contribui para que os mais diversos gêneros literários cheguem às mãos de diferentes leitores, avaliou o bibliotecário da USP de São Carlos, Eduardo Graziosi. O projeto consiste em deixar o livro num local público para ser encontrado e lido por outra pessoa, a qual é incentivada a fazer o mesmo.

O livro também pode ser deixado num ponto de bookcrossing (local determinado para que as pessoas ‘esqueçam’ seus livros e encontrem novos para serem lidos). A maioria dos pontos fica dentro de universidades, como a Anhembi Morumbi e campus da USP e da USFCar. Existem atualmente mais de 40 pontos: veja lista completa abaixo.

Inaugurado recentemente dentro do campus da UFSCar, um dos pontos tem atraído diversos leitores, e segundo o organizador do projeto na universidade, Ricardo Biscalchin, em menos de um mês já foram doados mais de 300 livros. “Existem muitas pessoas desapegando dos seus livros para que outras possam ler. Isso me surpreendeu”, disse.

Qualquer um pode fazer doação ou a retirada. Caso queira fazer uma doação, basta cadastrar seu livro no site oficial do bookcrossing Brasil e depois libertá-lo. Todos os exemplares cadastrados ganham um BCID, um código único. Assim, quando alguém encontrar seu livro e acessar o site você saberá onde ele está. Outro aspecto legal do projeto é o prazo de devolução, que diferente de uma biblioteca, não existe.

troca gratuita de livros
Cultura – Projeto incentiva a troca gratuita de livros para adultos e crianças (Foto: Lucas Dantas)

Mais leitores

Pouco divulgado, mas com grande potencial, a expectativa, segundo Graziosi, é que o movimento continue aumentando e que cada vez mais os usuários participem cadastrando seus livros e compartilhando­os com outros leitores. “Fazer do mundo uma grande biblioteca, conectando pessoas e compartilhando o conhecimento livremente”, concluiu a coordenadora do sistema de bibliotecas da Universidade Anhembi Morumbi, Marli Cacciatori.

Conheça os Pontos de BookCrossing no Brasil

Fonte: Folha Metropolitana

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes